Leaning Tower – EUA 2016

Leaning Tower – EUA 2016
Arrumando as tralhas,

Arrumando as tralhas,

A imensa parede amarela e negativa da Leaning Tower domina a entrada do Yosemite National Park, e por estar a direita da Bridalveil falls, é ponto de parada obrigatório para todos que chegam ao vale pela primeira vez.

A fama de ser uma das paredes mais negativas da América, e também de ter uma das melhores rochas do Vale, faz desta montanha, um objeto de desejo de qualquer escalador de grandes paredes.

Puxando o haul bag até o Guano Ledge, ao lado do platô de bivaque.

Puxando o haul bag até o Guano Ledge, ao lado do platô de bivaque.

Em setembro, Ana e eu escalamos a West Face, usando uma estratégia um pouco diferente da maioria dos que a escalam. A via foi aberta em 1962 pela às americano Warren Harding, que na época só tinha cordas de 40-45 metros. Pois agora, com cordas de 70m, é possível emendar pares de enfiadas e assim, transformar a via que originalmente tinha 10 paradas, em uma de 5 paradas.

Vertical, né? Ana, na terceira parada. Sexta parada pelo croqui original da via.

Vertical, né? Ana, na terceira parada. Sexta parada pelo croqui original da via.

Topo!

Topo!

Último dos 11 rapéis da Leaning Tower.

Último dos 11 rapéis da Leaning Tower.

 

Eliseu Frechou

Eliseu Frechou

Guia de montanha e instrutor de escalada. Iniciou no esporte em 1983 e desde então se dedica ao montanhismo e à escalada tempo integral atuando em diversos segmentos, mas principalmente na organização de expedições, produção de documentários e filmes.


Tags assigned to this article:
Big wallCalifórniaEstados UnidosEUAYosemite

Related Articles

Erwoda-Yunek – Escalando um tepuy na Venezuela

Esta semana retornamos de uma trip bem inusitada aos confins da savana venezuelana, para abrir uma via num pequeno tepuy

Mont Blanc 1 x 0 – Alpes 2014

A sabedoria diz que, antes de nos metermos numa roubada, o melhor é sempre perguntar pros amigos que entendem da

El Potrero Chico – México II

Texto: Ana Fujita Tem gente que sempre tem curiosidade de conhecer todos os lugares, sabe? E assim, quando apareceu a

No comments

Write a comment
No Comments Yet! You can be first to comment this post!

Write a Comment